Diariozin

#DIARIOZIN 10 - Nem tudo é como você quer.

23:35:00




Fazer aquilo que não deseja pode trazer, quem sabe um dia aquilo que você tanto almeja. E sabe porque eu digo isso hoje? Porque existem muitas coisas que eu odeio ter que fazer, mas eu aprendi da pior forma que nem tudo tem que ser como eu quero que seja. Sabe, desde pequenininha eu sempre me achei dona do meu nariz, queria sair sozinha aos 7 anos de idade, queria que parassem de mandar fazer o que eu não queria e digo mais, eu queria que parassem de me proibir de fazer as coisas que eu gostava. Que droga, será que ninguém entendia que a vida era minha? E só eu podia dar o rumo que eu quisesse a ela. Quando passei pra quinta série, eu me sentia o máximo, afinal na minha escola eu ia encontrar pessoas mais velhas e que sabiam realmente o que estavam fazendo. Bem, pelo menos era o que eu pensava... Eu esquentava a minha comida sozinha e ia pra escola também sozinha e pra mim aquilo era o máximo, o máximo da minha independência, pelo menos o inicio dela.
Mais o que eu to querendo dizer é que quando eu era pequena, acho que ninguém me contou que nem tudo na minha vida ia acontecer como eu queria, ou pelo menos se me contaram eu não dei muito ouvido. É, acho que pode ter sido isso.
E eu cresci assim, uma pena porque isso até hoje me causa problemas seja em casa, no trabalho ou até no namoro, as vezes até comigo mesma.
E não porque eu não aprendi, na verdade me ensinaram na marra, não os meus pais talvez eles até tenham tentado me mostrar isso, mas eu não quis ver. Ah, não mesmo... agora não me venham com essa de que eu não posso fazer o que quiser da minha vida.
Pois bem, seria difícil aceitar agora com 20 anos que as coisas não seriam como eu tanto desejava. É sim, eu odiava trabalhar no comércio e ter que aturar clientes grossos, sem paciência. Eu odiava pensar que eu tinha dinheiro, mas não podia gasta-lo com roupas, comida gostosa e bujigangas que eu quisesse. Eu odiava pensar que pra ser jornalista, eu precisava trabalhar e destinar todo o meu salário para pagar a faculdade...
Mas é, a realidade é dura e veio me ensinar na marra que a gente sempre é obrigada a ceder para conseguir o que deseja.

E hoje não era diferente, precisava decidir o que queria afinal?
Desde sempre eu queria era escrever, e queria que o mundo conhecesse os meus textos, a minha vida inteira eu quis saber o que acontecia em todos os lugares, eu desejava estar em todos os lugares do mundo onde a noticia acontecia. Desde sempre eu gostava de enxergar o que as pessoas não conseguiam, e via importância em todo mundo.
Acho até que isso me fez sofrer. E como.
Eu me lembro de dizer para meu pai muitas vezes “Eu te odeio! Eu te odeio!” por ele não deixar que eu fizesse sempre o que eu queria, mas é uma pena que ele não tenha me ensinado que o ódio algo que machuca muito.
Mas é, isso eu também aprendi na marra.

Alias, isso não importa. O que eu to querendo dizer é que você precisa forte, mesmo quando não consegue mais. O que eu to dizendo é que temos quem nos ama, quem cuida de nós.. e digo mais, não posso obrigar ninguém a me amar como eu amo, e sabe porque? Cada um sabe o amor que tem e como espalha-lo. Cada um tem seu modo de amar próprio, e isso não significa que seu amor seja menor por não ser como o meu.
Eu tenho amigos, poucos... e até minhas irmãs, minha família que dizem que sou muito intensa e que tudo comigo é SIM ou SIM.
Alguns dizem que não aceito não como resposta, que não sei ouvir, que não sei conversar, que não entendo isso ou aquilo.
E pode até ser, mas uma coisa eu sei e entendo: Eu sempre vou querer estar em todos os lugares, ajudar todas as pessoas e amar, sempre.
Eu sei que nada vai me impedir de amar e ser humana, porque mesmo que eu perca a direção Deus sempre vem me encontrar. Não sei como e nem porque, mas por alguma razão as coisas não acontecem como eu desejo, mas acontecem como eu preciso que elas aconteçam. Claro, que eu só fico sabendo disso depois de chorar litros e passar noites em claro, mas o que me consola? É saber que eu sempre chego a essa conclusão no final da tempestade.

E você deveria pensar mais nisso.

Você pode gostar também de:

1 Comentários

  1. Com toda certeza tudo o que você disse é verdade!
    Parabéns por esta postagem!
    Fica com Deus.
    Beijãooo

    Amanda.

    ResponderExcluir

Imagens e Créditos

A maioria das imagens usadas no blog foram baixadas do https://www.pexels.com/, uma plataforma que disponibiliza fotos licenciados sob a licença Creative Commons Zero (CC0). Isso significa que elas são totalmente gratuitas para serem usadas para qualquer finalidade legal.